2010 – Feliz Ano Realmente Novo

Mais um ano se inicia… Quando eu era criança, o ano 2000 parecia tão distante! Aquelas profecias sobre o final dos tempos e o Anti-Cristo me despertavam muita curiosidade. Chegou a tão esperada virada do milênio e nada aconteceu. Nada é muito forte… Quando eu digo nada, estou me referindo ao fim do mundo que ocorreria após o eclipse de agosto de 1999. Agora falam de um livro perdido de Nostradamus que mostraria que o mundo acabará justamente no final do calendário maia (21 de dezembro de 2012). Bem e se o mundo não acabar daqui três anos?

Nostradamus

Agora entramos no último ano da primeira década do segundo milênio da era cristã. Parece que as mudanças ocorrem cada vez com maior rapidez. O tempo para simplesmente contemplar o mundo não existe mais. O importante parece ser correr, suar, levantar poeira. Muitos dirão que este sentimento é um fenômeno atual. O grande poeta português do século XVI, Luís de Camões, escreveu a seguinte estrofe no seu Soneto 45:

Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades,
Muda-se o ser, muda-se a confiança;
Todo o Mundo é composto de mudança,
Tomando sempre novas qualidades.

Parece tão atual apesar de ter sido escrito há mais de quatro séculos…

Luís de Camões

Estas viradas de ano são ótimas oportunidades para os chamados balanços. Da mesma forma que as empresas fazem seus inventários e balancetes, nós devemos fazer o mesmo. Simplesmente parar e ver se o “contrato de metas do ano”, que foi consensado consigo na virada do ano anterior, foi cumprido. Muitas vezes só nos lembramos destas metas na virada do ano seguinte. E aí é tarde. Não dedicamos mais tempos para nós mesmos, para a família ou para os amigos. Não emagrecemos. Não fizemos aquele curso de filosofia. Não fizemos aquela viagem para conhecer Cuzco e Macchu Picchu. Acomodamos-nos no nosso emprego desestimulante. E assim por diante…

Para mudar esta realidade não basta comer lentilha, pular sete ondas, estourar fogos de artifício ou fazer simpatias com sementes de romã. O importante é definir metas pessoais desafiadoras, mas possíveis. Planejar a implementação destas metas. Trabalhar com afinco para atingi-las. Afinal não é fácil baixar o peso ou achar tempo para fazer programas semanais com a família. E finalmente, devemos controlar periodicamente (por exemplo, uma vez por mês) os progressos obtidos. Assim podemos corrigir os desvios e fazer os ajustes necessários.

Contrato de metas pessoais

Desejo a todos um 2010 nota 10!

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Geral, linkedin

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s