Stay Hungry, Stay Foolish

Steve Jobs morreu nesta semana que passou. Muito já se falou sobre este gênio que mudou o mundo com as criações da Apple, empresa que fundou. Não pretendo contar a vida deste gênio ou falar sobre suas virtudes e defeitos. Gostaria de resumir e comentar uma famosa palestra feita por ele para formandos na Universidade de Stanford em 2005. Para quem quiser assistir os 14 minutos na íntegra, basta clicar abaixo.

 
A palestra de Jobs tem três partes.

1. Una os pontos da vida

Você não pode conectar os pontos olhando adiante, você só pode conectá-los olhando para trás. Então você tem que confiar que os pontos de algum jeito vão se conectar em seu futuro. Acreditar nisto é fundamental, porque vai lhe dar confiança para seguir seu coração, mesmo que lhe leve para um caminho diferente do previsto e isso fará toda a diferença.

2. Faça o que o coração manda

Jobs estava convencido que a única coisa que lhe permitiu seguir adiante, após sua demissão da Apple, foi o amor pelo que fazia. Você tem que descobrir o que ama. Isto é verdadeiro tanto para seu trabalho, quanto para com as pessoas que ama. Seu trabalho vai preencher uma grande parte da sua vida e a única maneira de ficar realmente satisfeito é fazer o que você acredita ser um excelente trabalho. E a única maneira de fazer um excelente trabalho é amar o que se faz. Se você ainda não encontrou o que é, continue procurando. Não sossegue! Assim como todos os assuntos do coração, você saberá quando encontrar. E, como em qualquer grande relacionamento, só fica melhor à medida que os anos passam. Então continue procurando até encontrar. Não sossegue!

3. Não desperdice seu tempo

Seu tempo é limitado, então não gaste vivendo a vida de outra pessoa. Não caia na armadilha do dogma que é viver com os resultados do pensamento de outra pessoa. Não deixe o ruído da opinião alheia sufocar sua voz interior. E mais importante, tenha coragem de seguir seu coração e sua intuição. Eles, de alguma forma, já sabem o que você realmente quer se tornar. Tudo o mais é secundário!

Steve Jobs em dois momentos da vida

O conselho final para os formandos foi “stay hungry, stay foolish” que, se traduzido literalmente para o português significa “continue faminto, continue tolo”. Afinal o que Steve Jobs quis dizer? Ele aconselhou a sempre termos fome por novos conhecimentos. Não importa a posição, os títulos ou se somos autoridade ou referência em determinada área. Devemos prosseguir esta busca incessante por toda nossas vidas.

A humildade é um aspecto essencial desta busca. Muitas pessoas têm medo de exporem-se e admitirem que não dominam determinado assunto. Não existe forma melhor para adquirir novos conhecimentos do que a troca de informações e experiências em uma conversa desarmada.

Este conselho vai ao encontro daquela passagem em que Sócrates reagiu ao pronunciamento do oráculo de Delfos que o apontara como o mais sábio de todos os homens dizendo “só sei que nada sei”.

Filósofo Sócrates

Quando achamos que sabemos tudo e não temos mais nada para aprender, ficamos estagnados e fracassamos.

Estes conselhos de Steve Jobs, apesar de simples, encerram as bases para uma vida de sucesso, mas não é fácil colocá-los em prática. Persista! Não sossegue!

About these ads

2 Comentários

Arquivado em Gestão de Pessoas, História, linkedin, Psicologia

2 Respostas para “Stay Hungry, Stay Foolish

  1. camille finck

    AMAZING!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s